Conheça os principais pontos turísticos de Vinhedo

 

Vinhedo tem uma ótima localização na região, está à 18km de Campinas, 25km de Jundiaí e à menos de 80km de São Paulo. O que transformou a cidade numa ótima cidade para se viver e morar. Em 2015 e 2016 Vinhedo esteve em 1º Lugar na lista da Revista Exame de melhores cidades para se viver entre 50.000 e 100.000 habitantes. E já tinha sido eleita a 13ª melhor cidade do país para se viver pelo Ranking da ONU em outros anos, dentre os 5.565 municípios que compõem o Brasil.

 

Isso tudo é muito importante para o Turismo da cidade também, por isso o Cicerone decidiu fazer uma lista dos principais pontos turísticos da cidade. Ainda é possível melhorar muito o caráter turístico de Vinhedo, mas hoje já temos alguns lugares especiais na cidade, você conhece todos?

 

 

1)     Parque Temático Hopi Hari, na Rodovia dos Bandeirantes

É o maior parque de diversões da América Latina. Há opções para quem gosta de emoção e aventura e programação cultural que vai desde shows, espetáculos interativos, musicais até atrações com incríveis efeitos. Consulte o calendário no site do parque próximo à data de sua visita.

 

Aceita cartões de débito e crédito Endereço: Rodovia dos Bandeirantes, Km 72 – Vinhedo/SP Telefone: (19) 4007-1134 Site: www.hopihari.com.br

 

2)     Parque Municipal Jayme Ferragut, local da Festa da Uva, do Parque Aquático Municipal e da sede do Grupo Escoteiro Vinhedo

Local onde são realizados os maiores eventos da cidade, inclusive a tradicional Festa da Uva e do Vinho e o Encontro Nacional de Motociclistas de Vinhedo, um dos maiores do Brasil. O espaço conta com uma área de 92.500 m² e abriga um ginásio poli-esportivo, lago artificial, área para caminhada, área para piquenique, fonte de água “Bica do Boi”, pista de Skate, parque aquático municipal e a atual sede do Grupo Escoteiro Vinhedo.

Funciona de terça a domingo das 9h às 17h e no horário de verão, de terça a domingo das 9h às 18h ou de acordo com a programação de eventos que acontecem no local.

19 3846-7155

3)     Portal dos Imigrantes, com Monumento ao Imigrante e Memorial do Imigrante, no Jardim Itália

Inaugurado em 04/02/2007, é o resultado de uma parceria da Fundação Nestlé Brasil, a Prefeitura de Vinhedo e a Acovec – Associação Comunitária Vinhedense de Educação e Cultura. Conjunto arquitetônico com cinco prédios e um teatro de arena em estilo romano. Abriga centro de memórias dos imigrantes italianos e espaço cultural para exposições temporárias. É sede do Fundo Social de Solidariedade. 

 

 

4)     Igreja Matriz de Sant Ana, no centro da cidade

Construída no centro do distrito de Rocinha, dedicada a Sant´Ana, que viria a ser a padroeira da cidade. Foi substituída pela atual Matriz em 1958, obra que mobilizou por quase uma década a maior parte da população, com doação de fiéis.

Praça Sant´Ana, s/nº – Centro 19 3886-1972 / 3836-3430 www.paroquiasantanavinhedo.com.br

 

5)     Centro Cultural Engº Güerino Mário Pescarini e Teatro Sylvia Alencar Matheus, no centro da cidade

O Teatro Municipal está estruturado na antiga fábrica Carborundum, de abrasivos, a terceira indústria instalada no município, em 1953. Está inserido em um complexo cultural que também abriga o Centro Cultural Engenheiro Güerino Mário Pescarin, responsável por oferecer oficinas culturais na área central da cidade e por sediar a Secretaria de Cultura e Turismo. Inaugurado em 22 de setembro de 2006, consegue conciliar a modernidade com as características da antiga fábrica. O lustre de seu foyer foi feito com os vidros das janelas originais da Carborundum. Tem capacidade para 507 pessoas. O nome é uma homenagem à primeira dama do munícipio conhecida por ser a primeira bailarina da cidade.

Funcionamento de terça a domingo das 14h às 22h ou de acordo com as apresentações de peças e eventos. Rua Monteiro de Barros, 101, Centro – Vinhedo/SP. 3826-2821 teatro.sectur@vinhedo.sp.gov.br www.vinhedo.sp.gov.br

Não aceita cartões de débito e crédito no local, somente na papelaria Nobel, responsável pela revenda de bilhetes de peças, situada a Rua Benedito Storani, 111, Centro – Vinhedo/SP. (19) 3876.2901

 

6)     Estação Ferroviária de Cargas e Passageiros (desativada, tem prédio histórico atualmente abandonado), no centro da cidade

A estação da Cachoeira, um lugar perdido no meio do nada entre as pequenas Louveira e Valinhos, era a segunda parada na viagem inaugural do trecho pioneiro Jundiaí-Campinas, em 31 de março de 1872. Em 1873, o Almanak da Provincia de São Paulo dava como chefe de estação o sr. Albino da Silva Espindola. O nome de Rocinha passou a ser usado para a estação a partir de 1874… ou 1879. No inicio do século XX, construiu-se um novo prédio para substituir o original, que por sua vez foi reformado nos anos 1930, deixando somente a fachada da plataforma inalterada. Com a autonomia do município, em 1948, veio o novo nome, Vinhedo. No final dos anos 1970, a estação foi desativada

 

7)     Represa João Gasparini

As represas I, II e III estão localizadas bem próximas ao centro e são pontos de encontro e lazer de vinhedenses e visitantes. A Represa I conta com pista para caminhadas e corrida, além de academia ao ar livre. A represa II maior em área e volume de água oferece mais estrutura aos visitantes. Conta com aulas de caiaque e stand up paddle, vários quiosques de alimentação, possui quadra esportiva de areia, área para pic nic e ampla área para práticas de esportes. Já a III conta com pista de montain bike.

 

8)     Fazenda Cachoeira  (patrimônio abandonado)

No fim do século XIX fazendas cafeicultoras instalam-se na região norte do município de Jundiahy – muitas delas aproveitando antigas fazendas que desde o século XVIII produziam açúcar e aguardente. Todo o trabalho era realizado por escravos negros. Trabalhadores brancos, principalmente imigrantes europeus patrocinados pelo governo e por fazendeiros, ocuparam as vagas deixadas pelos escravos após a abolição.

Intenso comércio entre a região cafeicultora e a capital paulista movimentava tropas de muares pela Estrada Velha de Campinas. Partindo de São Paulo rumo ao interior do Brasil, criaram-se grandes cidades a cada cerca de 50 quilômetros, e entre uma e outra, ás vezes, um ponto de parada temporária.

Entre Jundiaí e Campinas, criou-se naturalmente, em meados de 1620, um pouso de tropeiros e, para usufruto destes, uma pequena plantação de subsistência, uma “rocinha”. Uma das primeiras propriedades instaladas no local tornar-se-ia, mais tarde, a conhecida Fazenda Cachoeira, que acabaria por transformar uma senzala em Quilombo, décadas depois da escravidão.

9)     Cristo Redentor e novo Portal de acesso à cidade de Itatiba

A réplica do Cristo Redentor, inaugurada em 31 de outubro de 1976, está localizada em dos pontos mais altos da cidade, oferece uma vista panorâmica do município. O Pôr do Sol é apreciado por muitos vinhedenses e visitantes. Recebeu a construção de um portal anexo ao monumento em 7 de dezembro de 2013. Conta com exposição permanente do Monsenhor Favorino, padre muito estimado desde a época de Rocinha, lanchonete, playground, concha acústica com 50 lugares, área para descanso e dois estacionamentos. 

10)  Mosteiro de São Bento em Vinhedo

Em 1958 os monges escolheram Vinhedo para sua morada e construíram um prédio de arquitetura moderna e única. Local de peregrinação em meio a uma bela paisagem natural atrai pessoas que buscam um ambiente de paz e silêncio. A manutenção do Mosteiro e todas as atividades são desenvolvidas pelos monges que vivem lá. É possível acompanhar a missa em canto gregoriano, adquirir os famosos medalhões de São Bento além de artigos religiosos, velas artesanais, mel silvestre, pães e bolos produzidos pelos monges. (DICA: Para grupos de retiro, o Mosteiro São Bento oferece a Casa Siloé com completa infra-estrutura e hospedagem em ambiente junto à natureza, propícias à reflexão e relaxamento.)

Funcionamento de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h30. Sábados e domingos das 8h às 11h30 e das 15h às 17h30

Aceita cartões de débito e crédito Rua do Observatório, 101, Observatório – Vinhedo/SP 3836-5080 www.mosteirosaobento.com.br

11)  Observatório Abrahão de Moraes

O Observatório Abrahão de Moraes (OAM) do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da Universidade de São Paulo (IAG-USP) foi fundado em 19 de Abril de 1972 e desde então vem desempenhando suas funções como laboratório científico e ao mesmo tempo como difusor do conhecimento através de suas atividades de ensino e divulgação científica. Seu nome é uma homenagem ao Prof. Abrahão de Moraes (1915-1970), astrônomo e matemático, Professor Catedrático da Escola Politécnica da USP e diretor do IAG-USP

Situado no município de Valinhos, porém com acesso por Vinhedo, ocupa uma área de aproximadamente 450.000m2, com cobertura vegetal formada por mata nativa onde encontram-se abrigadas e protegidas várias espécies de plantas e animais silvestres.

12)  Bosque Municipal José Carlos Giunco (desativado, possuía área verde nativa, trilhas, área para piqueniques, mini zoológico e cachoeira)

Já fora do perímetro urbano, está o Bosque Municipal José Carlos Giunco. É uma reserva florestal muito procurada para quem vai em busca apenas de descanso, paz e contato com a natureza.

13)  Praça do Aquário, no bairro residencial Aquário

Inaugurada em 7 de setembro de 1992 a praça é um dos pontos mais movimentados do município. Possui dois lagos, dois viveiros de aves exóticas, playground e bebedouros. No entorno da praça há lanchonetes, pizzarias, padaria, salão de beleza, loja de brinquedos infantis, academia e dentro da área da praça há quiosques de sorvete, pastel, crepes e cachorro quente.

Em Dezembro de 2011, foi inaugurada a fonte iluminada, instalada sob uma base flutuante presa nas margens do lago por dois cabos de aço instalados embaixo da água, a fonte jorra 500 mil litros de água por hora com um jato principal, que alcança aproximadamente 18 metros. A altura da água alcançada pelos outros 81 bicos de saída é de mais ou menos quatro metros.

 

14)  Adega Ferragut (vinho artesanal, suco de uva, frutas da época, visita monitorada à plantação de uva e produção de vinho e suco)

É a maior adega aberta ao público do município de Vinhedo. Esta propriedade conta com 5 mil pés de uva. Oferece variados vinhos artesanais e um delicioso suco de uva natural, livre de conservantes, além de outros produtos, como bolachinhas, balinhas de cachaça, geleias, e muito mais.

A visita monitorada Inclui a apresentação da história da família, a visitação às parreiras, aos processos de produção de vinho e suco, além da degustação dos produtos. Deve ser agendada para grupos acima de 10 pessoas com no mínimo 1 semana de antecedência. Para conhecer no local não precisa de agendamento prévio.

Aceita cartões de débito e crédito

Endereço: Avenida Rosa Zanetti Ferragut, 499, Chácara Santo Antonio, Vinhedo/SP

Telefones: (19) 3876-3108 e 9-9764-8190

E-mail e site: familiaferragut@avivi.com.br, www.vinhedoturismo.com.br e adegafamiliaferragut.com.br/

 

15) Memorial de Arte Adélio Sarro 

Obra de rara beleza e inestimável valor cultural, o Memorial de Artes Adélio Sarro é inaugurado! Um presente para o Brasil! Uma conquista para cultura mundial!

Adélio Sarro é filho de agricultores, nascido em Andradina, foi carpinteiro e marceneiro, cortador de mármore e desenhista de cartazes de propaganda antes de conseguir ganhar a vida apenas como pintor e escultor. Ao longo dessa jornada, manteve sua principal característica: estabelecer uma harmonia universal, mostrando a possibilidade de um mundo melhor em que a arte seja valorizada como uma das genuínas expressões da mente humana.

O apurado trabalho com as transparências da cor, na pintura, e a ousadia presente nos volumes de suas esculturas são algumas das marcas registradas de Adélio Sarro. A partir de suas obras, é possível vivenciar momentos de intensa integração do ser humano ao universo, seja por meio do amor ao animais, à natureza ou à música.
https://www.facebook.com/memorialdearteadeliosarro/

End: Rua Ursa Maior, 210, Mirante das Estrelas, Vinhedo – SP

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.