Dezesseis das 20 cidades que integram a Região Metropolitana de Campinas (RMC) apresentam saldo positivo na geração de empregos com carteira assinada em 2017, de acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

Entre janeiro e novembro de 2017, a RMC registrou 315.728 contratações e 306.646 demissões, com saldo de 9.082 postos de trabalho.

O melhor desempenho é o de Campinas (SP), município com 1,1 milhão de habitantes e que está no azul com 2.132 vagas no período – desde 2014 a cidade apresenta perda na geração de empregos.

Valinhos (SP), cidade com 124 mil habitantes, criou 1.180 empregos com carteira assinada, seguida por Nova Odessa (SP), com 950 vagas, e Itatiba (SP), com 866.

Vinhedo teve no mesmo período 11.470 contratações e 11.117 demissões, terminando com saldo de 353, ou seja com criação de novos postos de trabalho. Porém ficou à frente apenas de cidades como Arthur Nogueira, Indaiatuba e Pedreira, além de Morungaba (SP), Paulínia (SP), Cosmópolis (SP) e Hortolândia (SP) com resultados negativos.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.