Prefeitura de Valinhos decreta fase vermelha mais dura a partir de 6ª feira

Medidas restritivas já decretadas pela cidade permanecem, com barreiras sanitárias e intensificação das ações de fiscalização; prefeita também anuncia a implantação de mais leitos de enfermaria para os próximos 10 dias

A Prefeitura de Valinhos, na tarde da última quarta-feira (3), após reunião com o Comitê Municipal de Contingência à Covid-19, anunciou a antecipação da fase vermelha para a zero hora desta sexta-feira (5), permanecendo até o dia 19 deste mês. As regras serão as mesmas anunciadas pelo Governo do Estado, que definiu fase vermelha para todo o Estado. Ainda, Valinhos mantém as regras de restrição de circulação (com barreiras sanitárias) no período das 20h00 às 5h00. Participaram da reunião vereadores da cidade, presidentes de associações e entidades comerciais e empresarias, Santa Casa de Valinhos e representantes de igrejas evangélicas e católicas. O atendimento público presencial no Paço Municipal também será suspenso durante a fase vermelha.

Por decisão da prefeita Capitã Lucimara, a cidade também se prepara para implantar no CEV I (Centro de Especialidades de Valinhos) leitos de enfermaria, entre 8 a 12 leitos, para auxiliar no atendimento aos valinhenses. Os trabalhos para a implantação emergencial já se iniciaram e a previsão é de que a cidade tenha estes novos leitos em 10 dias.

A decisão de antecipar a fase vermelha, em Valinhos, para esta sexta-feira se deve a situação do município que passa, desde janeiro, por ocupação total de leitos de UTI (em alguns dias com mais de 100%) e, nos últimos dias, também de enfermaria. Na estrutura da UPA, onde foi criado 6 novos leitos, a situação também é de ocupação máxima, chegando até a 15 pacientes com suspeita de Covid em observação, na unidade, nesta terça-feira (3).

“Antecipar a decisão do Estado é pela situação em que se encontra o sistema hospitalar da cidade. A situação se agravou nas últimas horas e medidas mais restritivas foram necessárias, como a fase vermelha 24 horas por dia. Sabemos que as ações de fiscalização que temos feito, de forma mais intensa pelo Plano Valinhos, desde a última sexta-feira, devem surtir efeitos positivos apenas daqui 14 dias. Porém, cidades da região também se encontram com 100% de UTI´s ocupadas e a situação exige esta decisão conjunta numa situação tão crítica da Saúde que vivemos no Brasil”, afirmou a prefeita Capitã Lucimara.

Com a fase vermelha, fica fechado comércio de rua, shoppings, bares, restaurantes, salões de beleza, cabeleireiros, academias, centros esportivos, clube sociais, parques públicos, bibliotecas e espaços públicos em geral. A venda de bebidas alcoólicas é proibida a partir das 20h00 e serviços de delivery e drive-thru (sem descer do carro) são permitidos. Ainda, podem funcionar na fase vermelha hospitais, clínicas, farmácias, clínicas odontológicas, lavanderias, estabelecimentos de saúde animal, postos de combustíveis, lojas de materiais de construção, supermercados, hipermercados, açougues e padarias. Não será permitido o funcionamento das igrejas com atendimento presencial, somente cultos e missas on line. Escolas também não poderão abrir, apenas aulas on line.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.