Na última quarta-feira, dia 19, a vereadora Flávia Bitar (PDT) realizou reunião para apresentar e discutir o projeto da Unidade de Saúde Animal – USA. Na pauta do encontro teve palestra sobre experiências de sucesso que podem servir como exemplos para a viabilidade da iniciativa e o diálogo sobre a captação de recursos.

Apenas no Brasil, são mais de 20 milhões de cães abandonados e 90% da população de cães e gatos não são castrados. Esse quadro exige não só políticas públicas de saúde e trato dos animais, mas iniciativas consistentes e duradouras. 

O veterinário e profissional do Departamento de Proteção e Bem Estar Animal de Campinas, Paulo Anselmo Nunes Felippe, palestrou sobre a viabilidade de instaurar um projeto equivalente ao já realizado em Campinas na cidade de Vinhedo. “No caso de uma cidade na proporção de Vinhedo, seria mais prudente e prático atender os animais em um ponto fixo, como uma clínica”.
O abandono de animais também foi tema apresentado pelo veterinário. “Infelizmente, os animais são abandonados na mesma medida em que você recolhe”, lamenta. Segundo Paulo Anselmo, é fundamental o uso de políticas mais agressivas de castração por saturação, além da realização de “pet encontros” – as feiras de adoção.

Conforme explicou a vereadora Flávia Bitar, o custo mensal para manter o funcionamento que atenderá toda a cidade é de 40 mil reais. “Estamos buscando parceiros para patrocínio por meio de parceria público privada”, afirmou.

Flávia Bitar permanece discutindo detalhes do projeto e à disposição dos interessados em participar. “A opinião de todos é fundamental para o sucesso desta ação”, finaliza.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.