As aulas na Rede Municipal de Ensino retornam na quinta-feira, dia 1º. Neste ano, são 10.670 alunos matriculados, sendo 7.002 no Ensino Fundamental, 3.053 no Ensino Infantil e 615 na EJA. 

O calendário escolar de 2018 já está definido. As datas foram publicadas pela Secretaria da Educação de São Paulo no Diário Oficial. Portanto, o ano letivo terá início em 1º de fevereiro para todas as cerca de 5 mil unidades da rede.

O documento determina ainda para 27 de junho o fim do primeiro semestre. Por sua vez, as aulas regulares do segundo semestre têm começo agendado para 1º de agosto. Para garantir o cumprimento dos 200 dias letivos, previstos na Lei de Diretrizes e Bases (LDB), as escolas devem encerrar a programação pedagógica, no mínimo, no dia 20 dezembro.

Em 2018, haverá novo processo seletivo para a composição do quadro de professores substitutos da Rede Municipal de Ensino. “A exemplo de anos anteriores, sempre existe a necessidade de completar o quadro com aulas remanescentes dentro da grade curricular. Este ano o Processo Seletivo será realizado através de provas que acontecerão até o final do semestre”, explicou o secretário de Educação.

Nas unidades de ensino, a Prefeitura está fazendo a retirada de bens inservíveis, visando descartar ou recuperar os móveis danificados pelo desgaste do tempo, bem como a limpeza interna e externa dos prédios.

Matrículas e transferências

As escolas recebem matrículas de novos alunos interessados em ingressar na rede estadual, durante todo o ano letivo. Para fazer o cadastro basta se dirigir à unidade de ensino mais próxima e preencher o formulário. É indicada a apresentação de documento de identidade (certidão de nascimento e RG) e comprovante de residência. No caso de alunos menores de idade, o cadastro deve ser feito por pais ou responsáveis.

 

 

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.