A Companhia Espelho D Arte, a única Companhia de Teatro de Vinhedo, apresentará quatro peças teatrais no Teatro Sylvia de Alencar Matheus no dia 29 de julho.

 

Morte e Vida Severina

SINOPSE: Morte e Vida Severina (1954-55), poema de João Cabral de Melo Neto que dá nome ao livro, aborda o tema espinhoso da seca nordestina, dando voz aos retirantes que fazem o duro percurso entre o rio Capibaribe e Recife.

O rio, segundo livro da trilogia, também retrata o universo árido às margens do rio Capibaribe, mas dá voz a ele próprio como condutor da narrativa. Seu viés documental facilita a descrição do mundo que cerca seu caminho. Engenhos de cana-de-açúcar, usinas, retirantes e trabalhadores são retratados na velocidade do correr das águas.

 

O Despertar da Primavera

SINOPSE: O ambiente é Alemanha, 1891. Um mundo onde os adultos têm todas as cartas, a bela jovem Wendla está passando pelo seu aniversário de 14 anos e começa a pensar sobre a “Lei da Vida”. Quando pergunta a sua mãe de onde vêm os bebês? Enquanto, o brilhante e destemido jovem Melchior, defende seu amigo Moritz – um menino que é tão traumatizado pela puberdade e as mudanças de seu corpo, que não consegue se concentrar em nada.

Em uma tarde na floresta, Wendla e Melchior descobrem um desejo diferente de tudo que já sentiram. Despertar da Primavera explora a confusão e o desespero que seguem quando uma avalanche de hormônios invade o corpo dos adolescentes. O espetáculo celebra uma viagem inesquecível da juventude à idade adulta com um poder, pungência e paixão que você nunca vai esquecer.

 

Cinderela de Cordel

SINOPSE: Uma das histórias infantis mais contada, em versão em cordel. Cinderela convive com a madrasta, que como em toda história infantil, é muito má. E não é só isso: a tia e as irmãs de criação não perdem tempo e oportunidade para infernizar a vida da gata borralheira, que tem como função servir essas mulheres e limpar a casa. Um contador de literatura de cordel narra os acontecimentos, a diversão é garantida.

 

A Santa do Pau Oco

 INOPSE: Uma mulher chamada Dadivosa beija uma senhora, Dona Maricotinha, que supostamente estava morta, e no ato ela ressuscita. O evento deu o maior bafafá. O pastor e o padre disputam fiéis e brigam pela tal mulher santa que ressuscita com um beijo. O repórter sensacionalista e a prefeita também não podiam ficar por fora desse auê! E você também não!

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.